PONTA PORÃ

Mulher bate no marido por não dar dinheiro para cerveja e ainda agride PM a soco

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Casal acabou detido e levado para a delegacia

Na noite de sexta-feira (18), caso de violência doméstica em Jardim, a 239 quilômetros de Campo Grande, terminou com tiros de borracha e um policial agredido a soco. O casal brigava por causa de cerveja e o marido teria sido agredido pela mulher.

Conforme o registro, equipe da  foi acionada para ir até a residência do casal, onde ocorria a briga. Ali, encontraram duas mulheres conversando, mas elas ignoraram a abordagem, quando o homem de 36 anos saiu e disse que tinha sido agredido pela esposa.

Neste momento, a mulher de 25 anos levantou e deu um soco em um dos policiais militares e ainda tentou agarrá-lo pelo pescoço. Ela foi imobilizada e colocada no chão, quando então o marido voltou para dentro da casa. Uma das crianças que estavam ali disse que o homem buscaria uma faca e então todas começaram a gritar e jogar pedras nos militares

Assim, os policiais deram três disparos de elastômero para dispersar as pessoas que estavam ali. A suspeita foi algemada e colocada dentro da viatura, quando o homem correu para os fundos da casa e disse “Isso não vai ficar assim”. A equipe foi para a delegacia com a mulher, quando o homem então chegou de  e acabou detido também pelo desacato.

Leia Também:  Ponta Porã iniciou 4.ª dose de vacinação para pessoas acima dos 40 anos nesta segunda-feira

A mulher então contou que estava em casa bebendo com o marido e a irmã, quando a cerveja acabou. O homem se negou a comprar mais, quando ela o agrediu. Ele confirmou os fatos e o caso foi registrado como lesão corporal qualificada por violência doméstica, resistência e desacato.

 

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS