PONTA PORÃ

Palmeiras vence o Cuiabá no Allianz

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Após um primeiro tempo morno no Allianz Parque, nesta segunda-feira (18), pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, o jogo entre Palmeiras e Cuiabá tomou rumos opostos na etapa final, com amplo protagonismo palmeirense, embora essa superioridade não fora refletida no placar final do prélio: vitória alviverde por 1 a 0, com gol de Gabriel Veron, aos 4 minutos do segundo tempo. Desta forma, o Verdão segue na liderança, agora com 33 pontos – dois a mais do que o Atlético-MG, atual vice-líder, com 31.

Clique aqui para ver a ficha técnica, estatísticas e tudo sobre o jogo!

O gol de Veron, aliás, foi o centésimo do Palmeiras no ano de 2022 (incluindo partidas válidas pela temporada e também outras duas do Mundial de Clubes, disputadas em fevereiro, mas válidas pela temporada 2021) – com isso, o Verdão é o primeiro time do Brasil a atingir a barreira dos três dígitos no ano. Ao todo, no ano, agora são 100 gols em 49 jogos, com 34 vitórias, 10 empates e cinco reveses sofridos – e foi vazado 30 vezes. E considerando apenas os jogos que valeram pela temporada atual, são 47 partidas, com 33 vitórias, 10 empates, quatro derrotas, com 97 gols marcados contra 28 que sofreu.

E no Brasileirão, apesar da instabilidade recente (sem vencer nos três jogos anteriores, com dois empates e um revés), o Verdão segue liderando os principais índices da competição: ostenta, isoladamente, o melhor ataque e a defesa menos vazada da competição: 28 gols marcados até aqui (três a mais do que o Atlético-MG, com 25, segundo no quesito) e apenas 12 gols sofridos (seguido do Internacional, vazado 15 vezes). Portanto, o Alviverde é dono também do melhor saldo de gols: 16 (pois marcou 28 e sofreu 12), seguido do Internacional – o Colorado soma oito de saldo, pois foi às redes 23 vezes contra 15 gols que sofreu.

Além disso, o Verdão reforçou outra estatística que já liderava no Nacional: a de ser o time mais vencedor do Brasileiro 2022: das 17 vezes em que foi a campo até aqui, assim como todos os outros participantes, o Palmeiras venceu nove duelos e, com isso, é o time com mais triunfos no Brasileirão 2022, isoladamente, à frente de outras quatro equipes com oito vitórias cada (Atlético-MG, Athletico-PR, Corinthians e Fluminense). E com duas derrotas sofridas na competição (na 1ª e 15ª rodada, para o Ceará e Athletico-PR, ambas em casa), o Verdão é o time com o menor número de reveses, ao lado do Internacional e Atlético-MG (ambos também superados somente duas vezes cada nesta edição de 2022 até aqui).

Vale destacar ainda que o Palmeiras também é o time que emplacou a maior série invicta já registrada neste Brasileirão até aqui (entre a 2ª e 14ª rodada), de 13 jogos consecutivos sem conhecer revés.

E na temporada de forma geral, o Maior Campeão do Brasil também aparece em destaque: dentre todos os jogos realizados pelos times que disputam a Série A em 2022 (incluindo partidas que essas equipes atuaram em competições estaduais, nacionais e continentais), o Maior Campeão do Brasil é o clube que detém o melhor aproveitamento de pontos (77%, seguido pelo Atlético-MG, com 69,77%), o melhor ataque (média de 2,06 gols por partida, seguido pelo Flamengo, com 1,82) e a melhor defesa (média de 0,59 por partida, seguido do Ceará, com 0,61).

Ainda levando em conta os números desta temporada entre os clubes da Série A, porém, só como mandante, o Verdão é o time que ostenta a maior média de gols marcados, com 2,36 (59 gols em 25 jogos), seguido pelo Athletico-PR, com 2,14 (47 gols em 22 jogos). Destes jogos com o Palmeiras mandante, apenas dois duelos foram na Arena Barueri (duas vitórias, contra o Corinthians, pelo Brasileiro, e Juazeirense-BA, pela Copa do Brasil); enquanto os outros 23 foram todos no Allianz Parque (19 vitórias, 2 empates, 2 derrotas, 54 gols marcados e 13 gols sofridos) .

Leia Também:  Corinthians faz último treino antes de visita ao Avaí; veja entrevista coletiva de Fausto Vera

Não é à toa que, em sua casa, na temporada de 2022, os números do Alviverde chegam a liderar índices históricos comparando com o saldo de temporadas anteriores no local, levando em conta o desempenho do time desde a inauguração do estádio, em 2014. Em termos de aproveitamento, por exemplo, já é o melhor: 87%. O Verdão venceu 19, empatou dois e perdeu dois no total dos 23 jogos que disputou na arena neste ano em casa (foi superado pelo Ceará e pelo Athletico-PR, pelo Brasileiro), marcou 54 gols e sofreu 13. O segundo melhor aproveitamento de pontos em uma temporada na arena é de 76%, em 2019 (18 vitórias e cinco empates em 26 jogos).

Em sua arena, o time de 2022 também detém o melhor percentual de vitórias em relação às outras temporadas no Allianz: 84% (19 triunfos em 23 jogos), e, com isso, vem acumulando, disparadamente, o melhor desempenho na arena neste quesito em relação às outras temporadas, seguido de 2017 e de 2019, empatadas com 69% de vitórias – em 2017, registrou 20 triunfos dos 29 disputados; e em 2019, foram 18 vitórias dos 26 duelos.

E as ótimas estatísticas em sua arena, em 2022, não acabam por aí! O grupo de Abel, com os 54 gols marcados nos 23 duelos na arena desta temporada, ostenta ótima média de 2,34 gols marcados por partida – a melhor do Allianz Parque considerando números registrados em um único ano, pois a segunda melhor média de gols do Palmeiras na arena pertence ao time de 2020, que fez 70 gols em 35 jogos – média de dois por partida.

E com os 13 tentos sofridos no Allianz Parque nestas mesmas 23 partidas em 2022, o Alviverde registra a baixa média de 0,56 gol sofrido por jogo em sua casa nesta temporada. Com isso, esse número representa o segundo menor índice, na média, dentre as temporadas menos vazadas do Verdão na arena desde sua inauguração em 2014 – o Palmeiras de 2019 contabiliza média próxima mas ainda inferior: 0,46 gol sofrido por jogo (12 gols sofridos nas 26 partidas que disputou no local).

Número defensivo esse que ressalta não só a eficiência em casa, mas também perante todos os seus 107 anos de história. Com os 28 gols sofridos nas 47 partidas pela temporada atual, além de ser o melhor no quesito dentre todos os clubes da elite em 2022 (média de 0,59 por partida), registra também a terceira menor média de gols sofridos na história do Verdão em uma única temporada, atrás só da Segunda Academia de Oswaldo Brandão (em 1973, sofreu 50 gols em 89 jogos, com média de 0,56 gol sofrido por partida; e em 1972, foi vazado 44 vezes em 81 duelos, com média recordista de 0,54).

Quase como consequência da ótima defesa, o Palmeiras de 2022 de Abel pouco conheceu derrotas e, por isso, registra o terceiro menor percentual de jogos perdidos na história do clube: em 2022, foram 4 reveses nas 47 partidas (ou seja, perdeu apenas 9% dos jogos). Só foram melhores neste quesito as temporadas palmeirenses de 1972, com 6% (5 derrotas em 81 jogos), e a de 1930 (o Palestra Italia foi vencido duas vezes em 39 duelos naquela temporada).

Leia Também:  Flamengo bate o São Paulo por 2 a 0 e vence a quinta seguida no Brasileirão

ASPECTOS INDIVIDUAIS

E não foi só Gabriel Veron que saiu premiado individualmente deste duelo. Outros jogadores atingiram marcas expressivas em decorrência da partida. Gustavo Scarpa, por exemplo, completou o seu centésimo jogo dentro do Allianz Parque. Atualmente, o camisa 14 é o 4º jogador com mais confrontos na história do estádio, atrás apenas de Weverton (104), Willian (108) e Dudu (163).

Assim como Scarpa, outro meio-campista viveu noite especial na carreira: Raphael Veiga completou exatas 200 partidas com a camisa do Palmeiras – ao todo, o camisa 23 soma 62 gols (o último anotado na quinta-feira, na vitória por 2 a 1 sobre o São Paulo pela Copa do Brasil) e 20 assistências. Outro jogador que completou número redondo de jogos pelo Verdão foi Piquerez: chegou ao seu 50º. Além do tento no Choque-Rei na semana passada (seu primeiro pelo Maior Campeão do Brasil), o lateral também possui três assistências.

E não poderia ficar de fora, é claro, Dudu. Colecionador de marcas e recordes. Com a vitória do Verdão, o camisa 7 subiu uma posição na lista dos jogadores com mais triunfos na história do Palestra Italia/Allianz Parque (ou seja, considerando todas as formas físicas da história do estádio), saltando da 5ª para a 4ª posição ao igualar os 116 resultados positivos de Galeano no local.

Em número de jogos em todos os tempos do estádio,  Dudu já é o Top 5: 163 partidas, atrás só de Galeano (4º, 167); Heitor (3º, 170); Ademir da Guia (2º, 184); e do ex-goleiro Marcos (líder em jogos no Palestra, com 212 atuações). E se considerada apenas a era ‘Allianz Parque’, esses 163 jogos do atacante fazem dele o Top 1, seguido de Willian Bigode, com 108 jogos no local enquanto atleta do Verdão.

As marcas se estenderam até à comissão técnica: Abel Ferreira completou 63 jogos só pelo Campeonato Brasileiro (do total de seus 137 jogos pelo clube) e, com isso, saltou da 6ª para a 5ª posição dos que mais comandaram o clube por essa competição nacional, igualando Cuca neste Top 5 do ranking. Na sequencia, vêm Rubens Minelli (4º, com 65), Oswaldo Brandão (3º, com 105), Vanderlei Luxemburgo (2º, com 147) e Luiz Felipe Scolari (1º, com 203). Além disso, o treinador português chegou à sua vitória de número 80 no Verdão: são, no total 137 jogos, 80 vitórias, 27 empates e 30 derrotas desde que chegou em 2020.

E incluindo também as partidas dirigidas pelos auxiliares de Abel – ou seja, os números gerais da comissão portuguesa -, esta foi a 90ª vitória em 155 jogos (outros 33 duelos terminaram empatados e 32 com revés). Em 16 ocasiões, quem comandou o Verdão foi o auxiliar João Martins (10 vitórias, cinco empates e uma derrota), enquanto Vítor Castanheira dirigiu a equipe em outras duas oportunidades (um empate e um revés, mas com uma classificação garantida no jogo do empate, contra o Ceará, pela Copa do Brasil de 2020, avançando às semifinais).

fonte:https://www.palmeiras.com.br/noticias/verdao-faz-seu-100o-gol-de-2022-ao-bater-cuiaba-em-casa-e-defende-lideranca-isolada-no-brasileiro/

Fonte: Agência Esporte

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS