PONTA PORÃ

Após serem atropeladas, mãe pede por doações para tratamento da filha de 5 meses

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

 

 

 

A bebê, que fraturou o crânio, foi atropelada com a mãe por motorista bêbado e sem CNH

Brenda Leitte | jd1noticias
Após sofrer um acidente com a filha, de 5 meses, e o filho mais velho, de 2 anos, em Guia Lopes da Laguna, no interior de Mato Grosso do Sul, Jessika Ortega, teve sequelas e agora pede por ajuda para custear o tratamento da filha, já que ficou desempregada depois do acidente.Como já noticiado pelo JD1, a jovem, de 27 anos, estava indo trabalhar acompanhada dos filhos, às 07h da manhã do no último dia 19 de julho, quando foi atropelada por um carro em alta velocidade. O motorista, que não possui CNH e estava embriagado no momento do acidente, fugiu do local sem prestar socorro, mas foi preso pela Polícia Militar, logo após o acontecido.

Imagens de câmeras de segurança do local mostram o exato momento em que o motorista, identificado como Paulo Alberto Gonçalves Fernandes, de 29 anos, atropelou as vítimas. Jéssika e a filha Nicolly foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros Militar e levadas para um hospital, no município.

Após passarem por equipe médica e realizarem raio-x, foi constatado uma lesão nas costas de Jéssika, que trincou uma das vértebras, e terá de ficar sem fazer qualquer esforço por, pelo menos, 3 meses. Já a bebê, que foi arremessada do carrinho, sofreu uma fratura no crânio e terá que fazer acompanhamento com neurologista pelos próximos 6 meses.

“Graças a Deus aconteceu dos males o menor e saímos com vida. Eu e meus filhos estamos bem. Mas esse acompanhamento é particular, e não temos dinheiro suficientemente para custear. Além do mais, ele será em Campo Grande, então teremos alguns gastos a mais todos os meses”, explicou ela.

Após o acidente, a jovem que não trabalhava de carteira assinada, ficará sem renda durante todo o período de recuperação. “Meu esposo trabalha, mas o dinheiro só da para pagar nossas despesas do dia a dia. Pedimos ajuda de quem sentir de nos ajudar”, ressaltou.

Para aqueles que quiserem e puderem ajudar a família de Jéssika, uma Vakinha online recebe doações de qualquer lavor. Doações via PIX também são aceitas pela chave: (67) 99867-9480.

Assista o momento do acidente:

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS